As Idealizações coletivas – um lugar infantil

Scroll down to content

O alienista – novela escrita por Machado de Assis em 1882,
é uma obra que narra a construção do processo asilar da loucura no Brasil, prática importada da Europa em meados do século XIX. O exílio da loucura. A patologizaçao das singularidades dentro de uma vida social que deve obedecer às homogenias. A resolução das intolerâncias através da segregação. A eugenia.
No entanto, como obra prima há diversos outros aspectos relevantes.
Selecionei um dos ângulos contidos na novela e que me faz refletir.

As idealizações coletivas .

Simão era senhor da ciência, profundo estudioso das escrituras, dos tratados sobre anatomia, fisiologia,
patologia, homem douto, formado pela melhor academia europeia que se tinha notícia.
Atualizado, mergulhava em teses dia e noite. Noite e dia. Toda Itaguaí rendia-se em admiração pelo nobre doutor. Tinham- no como um ser superior.
Ouviam-no sem contestar.
O fato é que Simão não estava lúcido.
Suas decisões, seus julgamentos estavam perturbados pela
sede . Simão sofria de sede.
Tão desamparado o pobre. Emaranhava -se nas ondas da onipotência , exorcizava sua inferioridade. Deleitava-se na opulência de sentir-se rei. Suas teses e afirmações não estavam baseadas em contato com a realidade, não alcançavam o humano e suas necessidades.
Eram fulgurações do homem fraco, desprovido de sabedoria viva, cuja instrução encobria.
Padecia de um fenômeno sui generis. Às fagulhas perceptivas de sua própria insanidade afastava-se, enxergando-as no mundo .Bem longe de si.
Desse modo , empoderado como era , internou atestando desvario toda a Itaguaí. Não havia quem passasse incólume pelo crivo rigoroso de Bacamarte.
Foi assim que população de Itaguaí pagou o preço de fechar o olhos e deixar-se guiar , deslumbrada , pelas idealizações .

IMAGEM RETIRADA DA GRAPHIC NOVEL “O ALIENISTA” (MACHADO DE ASSIS) – FÁBIO MOON E GABRIEL BÁ

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: