Em frente a uma grande janela no décimo andar haviam vasos de modos e jeitos. Neles viveram gerações de margaridas, begônias, lírios, rosas e outras famílias. Certa vez perguntei a minha avó como ela fazia para haver tantas flores.
Ela respondeu: -Todos os dias eu converso com elas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: